segunda-feira, 28 de abril de 2014

Manual destralhar: um guia passo a passo

Se és como eu, que não tenho facilidade em deitar coisas fora, o apego que tenho, etc. etc., mas quero destralhar a casa, então vou deixar-me de desculpas, e, de forma consciente, vou livrar-me do que não me faz falta. Aqui esta o guia passo a passo de como vou destralhando a minha casa.

1. Saber onde reciclar, doar objetos que vou destralhar

2. Preparar sacos de lixo e caixotes de papelão

3. Preparar pano de limpeza e detergente

4. Definir um plano, destralhar uma divisão de cada vez, destralhar um tipo de objetos de cada vez

5. Definir o que prioritário destralhar

6. Identificar os pontos críticos a destralhar

7. Ter um dia inteiro, livre, só para destralhar

8. Aproveitar aqueles 15 minutos de intervalo para destralhar uma gaveta

9. Ligar o radio, colocar musica enquanto estou a destralhar

10. Para destralhar a roupa: tirar tudo das gavetas, colocar a roupa em cima da cama (fazer primeiro a cama), limpar as gavetas e roupeiro, experimentar a roupa

11. Decidir a roupa que fica e a que vai fora

12. Fazer as seguintes perguntas:
A roupa tem manchas, buracos, nódoas que não saem? Visto isto? Há quanto tempo não visto isto? Preciso disto em que ocasiões? Gosto da cor? Fica-me bem? Esta de acordo com o meu estilo de vida? Fica bem com outras peças de roupa?

13. Sapatos (todo o tipo de calçado): destralhar sapatos, no meu caso e mais fácil e menos demorado. Juntar todos os sapatos no chão do quarto.
Fazer uma primeira grande escolha, sapatos velhos em mas condições vão fora.
Sapatos desatualizados que não gostamos, vão fora.
Sapatos que não são confortáveis e magoam os pés, vão fora.

14. Os sapatos para manter limpam-se e arrumam-se na sapateira, numa caixa que deixe os sapatos respirarem, ou de outra forma qualquer; os sapatos para ir fora, vão para dar ou para o lixo, dependendo do estado deles.

15. Destralhar as divisões da casa por sequencia lógica e prática.
Comecei pelos quartos. Enquanto destralhava os quartos (roupa e sapatos), muitos objetos que não fazem falta foram colocados no corredor/entrada. Uma cadeira, uma impressora, etc. Está na hora de atacar o corredor/entrada, para que a casa não fique caótica e a passagem impraticável.

16. Envolver os outros membros da família na tarefa destralhar. Como? Eles ao assistirem a destralhar, ao verem a arrumar, organizar, fazer os sacos para doar ou para o lixo, muito possivelmente vão começar a destralhar alguns dos seus objetos pessoais. Mesmo sem que lhes digam para o fazer ou ajudar. Eu descobri que o meu filho é minimalista, não sente apego material, começamos até a conversar sobre destralhar, minimalismo e necessidades materiais. Em 5 minutos ele destralhou o roupeiro dele. Os sapatos que não usa, posso dar. Manuais escolares, também.

17. Destralhar só os nossos objetos. Quanto á tralha dos outros membros da família, só com a autorização do dono das coisas.

18. Quando sinto desanimo porque a tralha e a confusão são muitas, vou dar uma volta, saio de casa, vou comprar pão, levar o lixo ou beber um café. Volto animada e com vontade de recomeçar a destralhar.

20. Acordar cedo, tomar o pequeno almoço, vestir uma roupa confortável e começar a destralhar aquilo que dá mais trabalho ou é mais difícil. Estou fresca e cheia de energia e mais motivada, portanto, dou mais rendimento.

21. Não esperar conseguir destralhar numa hora, aquilo que levei anos a acumular.

22. Devagar se chega ao longe, não se pode é desistir. Dividir uma tarefa maior em várias mais pequenas. Fazer por etapas.

23. Destralhei muito, mereço uma compensação. Dou um pequeno presente a mim própria ou como algo que gosto muito.

24. Tirar fotografias enquanto se destralha. A fotografia de antes e  despois permite ver a evolução e a diferença. Dá-me mais motivação.

25. Estabelecer um prazo. Quero destralhar tudo até final de Maio.

26. Despois de destralhar, usar tudo.Por exemplo, despois de destralhar a roupa, usar a roupa toda. Aquilo que não gostar ou se não sentir bem com determinada peça de roupa, vai fora!

27. Destralhar a papelada requer paciência, aproveitar os dias frios e chuvosos de inverno para o fazer.

28. Juntar toda a papelada e escolher papel a papel, documento a documento, dividir em grupos. Só depois é que se vai comprar dossiers ou arquivadores para a papelada que é necessário guardar. Eu comprei os arquivadores antes de analisar a papelada e sobraram metade.

29. Tirar fotografias ou digitalizar os documentos, papeis e recordações, daqueles  que não precisamos dos originais.

30. Aconteça o que acontecer, nunca desistir! Um bocadinho todos os dias, mesmo que se faça uma paragem no projeto destralhar, nunca pensar sequer em desistir!

31. Tirar fotos, muitas fotos do antes e do depois de destralhar. Ver a diferença.

32. Uma grande dificuldade depois de destralhar, o que fazer com as coisas. Procurar locais que aceitem livros usados, roupa, etc, nem sempre é fácil encontrar quem aceite coisas usadas. Em último caso, deixar junto do lixo dentro de um caixote de papelão (pode fazer falta a alguém) ou no lixo (reciclagem, sempre que possível) se não ter qualquer utilidade.

33. Volto a falar numa coisa muito importante: nunca desistir, aconteça o que acontecer. Destralhar a casa e a vida não é um processo fácil e rápido. Fazer uma pausa, respirar e voltar a destralhar!


... Em atualização...