segunda-feira, 19 de maio de 2014

Destralhar a papelada: dia 5

Depois de 2 dias intensivos a destralhar papelada, um dia a trabalhar (com papelada) e passar a hora do almoço a tratar de papelada pessoal, cheguei a casa entusiasmada, sentei-me no chão da sala e destralhei mais papelada por mais de 1 hora. Tomei-lhe o gosto, é o que é. E quando acabar a papelada, que faço da minha vida? Como é que me vou divertir? Que vou fazer nas longas e intermináveis horas livres? Praia?! Que desperdício de tempo! Só tem mar, sol, areia, não tem papelada. Não estou viciada em papelada, que disparate!